sábado, novembro 22, 2014

Ser dona de um cão, tal como ser mãe...

É pensar em xixis e cocós muitas mais vezes por dia.
É ser capaz de manter uma conversação animada com uma vizinha sobre itens de casa roídos, e xixis e cocós.
É por vezes desejar, e outras odiar os xixis e cocós.
Ah, e já disse?... xixis e cocós?

sexta-feira, novembro 21, 2014

Hoje estou assim...



Como o tempo...

terça-feira, novembro 18, 2014

Comidinha de Inverno


Hoje foi dia de experimentar comidinha de Inverno, ao som de jazz de Natal, com o pessoal cá de casa! 
E que bem que soube...

 Receita aqui

segunda-feira, novembro 10, 2014

Já nao me lembrava disto...

Ter dores de cabeça tão fortes que quase me fazem vomitar. E logo no dia em que a urgência está mais caótica (qual Legionella, qual Ébola... o que se precisa é calor humano)!

Olá Novembro... trouxeste as castanhas e os diospiros, foi porreiro... já podes ir buscar o Verão?

quarta-feira, novembro 05, 2014


Tenho descoberto o poder das palavras, do olhar com calma, do prestar atenção aos doentes e seus familiares, numa altura em que se encontram tão vulneráveis (ambos!). E como é tão mais difícil arranjar tempo para isso numa enfermaria do hospital, comparando com o gabinete do centro de saúde!
Concordar ("sim, é capaz de ter sido uma pontinha de frio..."), dar esperança (na medida do possível), dar algum tempo de antena para as pessoas expressarem os seus medos. Tentar entender a sua percepção da doença e ir dando umas colheradas progressivas de realidade, sem que isso magoe...
Afinal, somos todos tão voláteis, quem nos diz que um dia destes não nos encontramos do outro lado?

domingo, novembro 02, 2014

Eloquência de domingo à noite



Vontade de iniciar a semana :P